» “O mais difícil são os malabares”, diz Emilio depois de fazer aulas de circo.

“O mais difícil são os malabares”, diz Emilio depois de fazer aulas de circo.

“O mais difícil são os malabares”, diz Emilio depois de fazer aulas de circo.

Durante dois meses e meio, Emilio Orciollo Netto foi aluno aplicado de aulas de circo no Rio. Tudo para fazer bonito na pele do personagem Neca Tenório, astro maior do mambembe Circo Gran Tenório – do qual é herdeiro – na próxima novela das seis, Araguaia, que estreia dia 27 de setembro na Globo. Em conversa com o R7, o ator falou sobre as dificuldades de aprender as artes do picadeiro.

– Fiz muitas aulas de trapézio. O mais difícil são os malabares. Dá vontade de jogar tudo longe. Mas consegui.

As aulas aconteceram no Circo Las Vegas e também na Escola Nacional de Circo, no Centro do Rio. O personagem, além de dominar as artes circenses, é um mestre na sedução. As moças bonitas da cidade de Girassol – onde se passa a trama de Walther Negrão – não terão paz com o rapaz.

– O Neca é um galenteador, mas daqueles de padaria, de rodoviária. Ele gosta de encantar as meninas.

A inspiração para o personagem, segundo ele, veio de amigos.

– Mas não posso, claro, falar o nome deles. Mas eles existem.

No processo de composição, Emilio ainda assistiu a filmes, como Don Juan De Marco, e aos estrelados pelo italiano Marcello Mastroianni. Para o ator, o personagem tem um toque teatral também.

– É bem teatral e diferente de tudo o que já fiz na TV. Estou me divertindo com o Neca.

Para viver o artista de circo, o ator teve de deixar crescer o bigode.

– No começo achei estranho, mas agora já relaxei. O chato é ter que aparar todo dia direitinho. O Neca é muito vaidoso, gosta de se cuidar. É um Alberto Roberto [personagem do humorista Chico Anysio].

Fonte: R7

Topo